sexta-feira, 25 de janeiro de 2008

Vais pró mar....

E lá vai o fruto exotico para o mar! que seca! lá vou eu, quem nem esposa de pescador aguardar os dias que o meu conjuge se encontra na faina. Como eu vos compreendo respeitadas senhoras de marido embarcadiço (não faço ideia se é assim que se escreve).

Mas lá está, é a vida!.

Lá vou eu procurar refugio no seio de vós meçês (amigos que eventualmente tiverem a paciencia de ler isto). E é um argumento para vos visitar que com este ritmo de trabalho não consigo ver ninguem de quem gosto.

Protege ò mar o meu fruto exotico!

PS: este blog vai ser uma lamechiçe pegada na proxima semana (vou tentar evitar)

1 comentário:

alanis disse...

e de que tipo de fruto estamos nós a falar?